Segunda-feira, 16 de Junho de 2008

Mar

Na melancolia de teus olhos
Eu sinto a noite se inclinar
E ouço as cantigas antigas
Do mar.

Nos frios espaços de teus braços
Eu me perco em carícias de água
E durmo escutando em vão
O silêncio.

E anseio em teu misterioso seio
Na atonia das ondas redondas
Náufrago entregue ao fluxo forte

tags:
publicado por semifrio às 08:36
link do post | favorito
|

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 9 seguidores

.pesquisar

.Maio 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. sexo

. desejo

. dúvidas

. tchim, tchim

. tempo esgotado

. quero-te

. tu

. loucos

. corpo

. poder

.arquivos

. Maio 2009

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Setembro 2007

. Junho 2006

. Março 2006

. Setembro 2005

.tags

. todas as tags

Desenvolvimento de sites
Desenvolvimento de sites
blogs SAPO

.subscrever feeds